Mais centralização dos hospitais? Não!

hospita tnv 2

O Bloco de Esquerda é contra a anunciada intenção governamental de fundir os 4 hospitais distritais numa única unidade, o chamado Grupo Hospitalar do Ribatejo. Os resultados da anterior fusão dos 3 hospitais do norte do distrito permitem antever o que, de negativo, poderá trazer às populações nova centralização.

Em comunicado a Coordenadora Distrital do Bloco, afirma não confiar “em quaisquer “estudos” encomendados pelo Ministério da Saúde, para fundamentar decisões políticas que prejudicam as populações.”

A justificação governamental para a criação do chamado “Grupo Hospitalar do Ribatejo” é a de que esta fusão criará “sinergias”, aumentará a ”escala” das aquisições e tornará possível a “partilha de pessoal”. A anunciada agregação juntaria as 3 unidades do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) ao Hospital Distrital de Santarém.

Nos motivos apresentados para constituição do tal Grupo Hospitalar, em caso algum aparece a necessidade de aumentar a acessibilidade dos doentes aos serviços, de preservar uma escala humana nos tratamentos ou um incrementar a qualidade da assistência hospitalar.

No momento em que se degrada a qualidade do Serviço Nacional de Saúde (SNS) —basta ver os doentes frequentemente amontoados nas urgências do distrito — é criminosa a insistência deste governo em mais centralizações e mais cortes.

Daí só poderão resultar mais dificuldades no acesso dos doentes às especialidades e à assistência hospitalar, a degradação dos serviços e uma maior desumanidade no acolhimento.

A degradação do SNS, sistematicamente promovida pelo atual governo, abre caminho ao negócio dos grupos privados na área da saúde. Cada vez mais, só acederá aos cuidados de saúde quem tem poder de compra, segundo a “leis do mercado” que este governo tanto reverencia.

Portanto, a constituição do Grupo Hospitalar do Ribatejo tem de parar. É por esse objetivo que se baterá o Bloco de Esquerda.

 

 

Via Esquerda Via Esquerda

Via Esquerda

Via Esquerda é um órgão de informação digital do Bloco de Esquerda do Entroncamento, cujo objetivo é abordar a actualidade noticiosa local e nacional com interesse para a população do concelho.

Artigos relacionados

*

*

Top