António Ramalho anuncia aumento das portagens

antonio ramalho 2

Em entrevista ao semanário Expresso, António Ramalho, o todo poderoso presidente da nova empresa IP – Infraestruturas de Portugal,  explicou que o incremento das receitas da empresa deverá passar, entre outras, pela “otimização dos custos das portagens”. No contexto de um previsto aumento de receitas, o presidente da empresa que juntou a Refer com a Estradas de Portugal queria, obviamente, anunciar aumento dos custos das portagens.

A ameaça de Ramalho foi lembrada por Carlos Matias, vereador do BE, na última reunião da Câmara do Entroncamento. Na altura, o executivo municipal estava a tomar conhecimento da posição tomada por uma associação empresarial do distrito de Castelo Branco, em que era reclamada ao governo a “baixa de preço das portagens”, na A23

O vereador eleito pelo Bloco de Esquerda considerou que “pese embora a sua boa intenção e a oportunidade” daquela tomada de posição, “reclamar reduções das portagens, com a atual política, é algo mirífico e ao arrepio da tendência explicitamente anunciada”.

“Obviamente, o fim das portagens ou a sua redução só ocorrerá com mudanças de fundo no quadro político atual”, acrescentou Matias.” Seria bom que os diversos partidos se comprometessem com decisões sobre esta matéria, antes das próximas eleições legislativas de Outubro, para que todos ficássemos a saber com o que podemos contar e, já agora, os eleitores a saber em quem estarão a votar.”

O Bloco de Esquerda há muito vem reclamando o fim das portagens na A23.

Via Esquerda Via Esquerda

Via Esquerda

Via Esquerda é um órgão de informação digital do Bloco de Esquerda do Entroncamento, cujo objetivo é abordar a actualidade noticiosa local e nacional com interesse para a população do concelho.

Artigos relacionados

*

*

Top